.

CUT Brasília convoca trabalhadores a participar de ato na Praça dos 3 Poderes contra aprovação que pode ocasionar mais prejuízos para a classe trabalhadora

Nessa quarta-feira, 9, inclusive, está prevista no Supremo Tribunal Federal (STF) votação que pode liberar a terceirização na atividade-fim. Essa é mais uma situação que tem potencial para ocasionar uma série de prejuízos para a classe trabalhadora. Frente a mais esse perigo, a CUT Brasília divulgou nota convocando representantes dos trabalhadores a marcar presença na Praça dos 3 Poderes nesse dia para participar de manifestações que devem ocorrer ao longo do dia. A Condsef vai estar presente aos atos. A entidade também participou nesta terça de mais uma reunião do Fórum das Entidades Nacionais dos Servidores Públicos Federais (Fonasefe). É também no final dessa semana, na sexta, 11, que acontece o dia de greve geral da classe trabalhadora contra todos os ataques aos direitos que a categoria vem enfrentando.

Além de protestar contra a PEC 55/16 que pode congelar investimentos públicos no Brasil por pelo menos 20 anos, os trabalhadores também levantam a bandeira em defesa dos direitos já conquistados. A classe trabalhadora ainda enfrenta ameaças de uma nova reforma da previdência e a imposição de uma flexibilização nas leis trabalhistas. Os ataques sistemáticos aos direitos da classe trabalhadora têm marcado o governo golpista de Michel Temer.

Mais do que nunca, em cenários assim de graves ataques a direitos, os servidores precisam estar unidos e constantemente mobilizados. A agenda política imposta não tem deixado dúvida de que o ataque aos direitos da classe trabalhadora está na ordem do dia. Mas também não resta dúvida de que a luta em defesa desses direitos precisa e vai acontecer.

Sintsep-GO com Condsef